Nunca mais eu vou dormir

a desiludida protagonista de Meu ano de descanso e relaxamento, um drama com toques de humor ácido que aborda as desventuras da saúde mental e o desejo de alienação em tempos de excesso de informação. Ambientado na virada do ano 2000, em um apartamento no Upper East Side, pouco antes do 11 de setembro, a protagonista – que também é a narradora – jovem, recém- formada na universidade de Columbia, trabalha em uma galeria enquanto tenta processar a morte de seus pais à base de tarjas pretas duvidosas – pílulas de Stilnox, lítio, Infermiterol, etc. – para se abster completamente da sociedade.

Em ‘Intimidade’, Antonio Kuschnir apresenta uma Arcádia paradisíaca com toques modernistas

Jovem pintor do Rio de Janeiro, que teve primeira individual ano passado, expõe virtualmente as pinturas de nova série "Posso dormir no seu ombro?" (2020) - Imagem: acervo virtual do autor Matheus Lopes Quirino Entre o onírico e o mundo terreno habita o imaginário pictórico do jovem pintor Antonio Kuschnir, 19, na série recém-compilada Intimidade. … Continue lendo Em ‘Intimidade’, Antonio Kuschnir apresenta uma Arcádia paradisíaca com toques modernistas